Acordes

Junte-se a milhares de tecladistas inteligentes e receba atualizações,
artigos e aulas exclusivas para levar sua musicalidade a um alto nível

Como praticar o Acorde Turbinado Fechado | Dica de Teclado #11

Fala tecladista! Aqui é a Raquel Xavier, do Aprenda Piano, e hoje vamos falar sobre como praticar o acorde menor turbinado fechado.

Estamos acompanhando a série Dica de Teclado, do Ramon, com novos conteúdos todos os dias.

Então fique a vontade e, como a maioria, eu gosto muito de assuntos práticos como é o caso hoje.

Se você ainda não leu nosso artigo falando mais sobre o acorde menor turbinado fechado, clique aqui para ler.

Livro revolucionário sobre como aprender teclado agora é gratuito!

Pegue o seu clicando aqui!

O ACORDE MENOR TURBINADO FECHADO

Aqui vou apenas refrescar a sua memória sobre o que é esse acorde e quais as características dele.

Veja a formação do acorde menor turbinado:

1  – 5  – b7 –  9 – b10 –  11

Ao aplicar estes graus na tonalidade de dó, o acorde ficará com as seguintes notas:

Ah, lembrando que:

  • A 9ª (nona) também pode ser um 2º (segundo grau)
  • O b10 (décima bemol) também pode ser b3 (terça bemol)
  • E o 11ª (décima primeira) também pode ser o 4º (quarto grau),

Teoricamente existem diferença entre estes graus, tais como a região, mas na prática fica mais fácil na hora de formar o acorde menor turbinado.

COMO PRATICAR?

Agora vamos a algumas maneiras e formas de praticar este acorde para que você comece a ter domínio sobre ele!

Veja abaixo a bateria de exercícios recomendados:

  • Movimento de meio-tom
  • Movimento de tom
  • Movimento em ciclo de quartas

Vamos ver cada um deles!

1.  MOVIMENTO DE MEIO – TOM

Aqui vamos fazer os acordes um após o outro em intervalos de meio-tom.

Por exemplo, começando com o acorde de Cm, meio-tom acima vem o acorde de C#m, mais meio-tom Dm e assim por diante.

Esse é um movimento ascendente, ou seja, estamos nos movimentando “para cima”, do grave para o agudo.

Os acordes de uma oitava ascendente seguem essa ordem:

Cm – C#m – Dm – D#m – Em – Fm – F#m – Gm – G#m – Am – A#m – Bm

Outra maneira de praticar os exercícios, é fazer no sentido contrário, ao invés de “subir”, vamos “descer”.

Começando pelo acorde de Cm, meio-tom abaixo temos Bm, menos meio-tom A#m, e assim por diante.

Este é o movimento descendente, ou seja, a movimentação é “para baixo”, do agudo para o grave.

Cm – Bm – A#m – Am – G#m – Gm – F#m – Fm – Em – D#m – Dm – C#m

Dedique um bom tempo para cada um destes movimentos!

2. MOVIMENTO DE TOM

Aqui vamos nos movimentar em intervalos de 1 tom.

Vamos ter dois pontos de partida, o primeiro começando em dó e terminando em dó.

Primeiro acorde será Cm e aumentando um tom chegamos no acorde Dm, depois mais um tom Em e assim vai. Veja como ficaria a sequência de dó a dó:

Cm – Dm – Em – F#m – G#m – A#m – Cm

Perceba que neste tipo de movimento não tocamos todos os acordes, então agora faremos a mesma coisa mas começando do acorde de C#m. Veja como fica:

C#m – D#m – Fm – Gm – Am – Bm – C#m

Aqui já encontramos alguns acordes que não tinham aparecido anteriormente, então para o exercício ser completo precisamos começar pelo dó, depois pelo dó# e assim por diante.

3. MOVIMENTO EM CICLO DE QUARTAS

Finalizando nossos movimentos, chegamos ao ciclo de quartas.

Uma quarta é um intervalo composto por dois tons e meio. O ciclo de quartas vai se movimentando de 2 tons e meio em 2 tons e meio.

Meio confuso não? Mas vou te mostrar certinho agora!

Começando pelo Cm, agora o próximo acorde a ser tocado será o Fm que está a dois tons e meio de acima de dó. Depois de fá o próximo acorde será o de Bbm, que está a dois tons e meio de fá, e assim vai…

Veja como ficaria a sequência de acordes no ciclo de quartas:

Cm – Fm – Bbm – Ebm – Abm – C#m – F#m – Bm – Em – Am – Dm – Gm – Cm

Sei que no início este exercício vai exigir um pouco mais de você, principalmente se ainda não tem contato com o ciclo de quartas. Mas fique tranquilo, com o tempo se torna BEM mais fácil.

Assim que dominar este exercício tente fazê-lo “ao contrário”. 😉

Aprendizado acelerado no teclado? Este livro revela o segredo

Garanta já o seu!

CONCLUINDO

Agora é só praticar, não deixe essa oportunidade de chegar em um outro nível passar!

Dedique tempo para cada uma das movimentações e não esqueça de inverter as mãos para exercitar também a mão esquerda, certo?

Para mais aulas e conteúdos sobre música, teclado e piano:

Faça o download grátis do livro “COMO TOCAR TECLADO BEM”.

Um abraço e até a próxima,
Raquel Xavier

Gostou desse conteúdo?

Participe da nossa lista VIP e receba conteúdos exclusivos via email. É grátis:

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo

CONHEÇA NOSSOS CURSOS EM VÍDEO ONLINE:

Piano Kids – Seu filho tocando piano em 30 dias

Piano Kids – Seu filho tocando piano em 30 dias

Diferente de qualquer outro curso no mundo inteiro, o Piano Kids vai ensinar música para seu filho de uma forma divertida e emocionante.

Método M30 – Realize o sonho de tocar sua 1ª música

Método M30 – Realize o sonho de tocar sua 1ª música

Aprenda a tocar sua 1ª música no piano ou teclado. O método M30 é a sua maior chance de aprender piano do zero

COMO LER PARTITURAS

COMO LER PARTITURAS

Aprenda a ler partituras de uma forma extremamente prática e simplificada. Curso ministrado pela professora Raquel Xavier

Curso Extraordinários

Curso Extraordinários

Entre em estado acelerado de aprendizado nas teclas: estude do básico ao avançado de forma empolgante!

Piano Prime – Técnicas Incríveis para Embelezar suas Execuções

Piano Prime – Técnicas Incríveis para Embelezar suas Execuções

Torne suas execuções inesquecíveis e emocionantes com técnicas que irão elevar rapidamente o seu nível musical