Artigos

Junte-se a milhares de tecladistas inteligentes e receba atualizações,
artigos e aulas exclusivas para levar sua musicalidade a um alto nível

O que é VST na música? Saiba tudo agora!

O que é VST na música? Saiba tudo agora!

Fala, Tecladista! Tudo bem com você? Aqui quem fala é o Augusto Canarin, do Aprenda Piano, e hoje nós vamos falar mais uma vez sobre a tecnologia na música, mais precisamente, sobre VST.

O que você imagina ser um VST? Na verdade, o que você sabe sobre o significado dessa sigla?

Sei que parece ser algo até um pouco complicado, por se tratar de uma criação tecnológica utilizada para aperfeiçoar e incrementar criações musicais de uma forma mais moderna.

A ideia desse tipo de tecnologia é aproveitar o uso de computadores e dispositivos eletrônicos para trazer evolução aos processos que envolvem a música em si.

Muitos músicos, Dj’s e principalmente produtores musicais utilizam desse recurso em seus trabalhos e projetos. Os VST’s tomaram uma grande proporção no mundo da música.

Você está pronto para começar a aprender? Venha comigo em mais esse estudo! 😀

VST: SIGNIFICADO

VST é uma sigla a qual, em inglês, quer dizer Virtual Studio Technology (Tecnologia de Estúdio Virtual.)

Esse sistema de comunicação virtual foi desenvolvido pela empresa Steinberg e lançado no ano de 1996.

Ele integra em sua interface:

  • Efeitos de áudio
  • Sintetizadores
  • Editores
  • Dispositivos de gravação

O que o sistema faz é utilizar um sinal para simular o hardware (produto) tradicional de estúdio de gravação com um software (programa).

Atualmente, após inúmeros testes, existem milhares de plugins desenvolvidos para serem utilizados na plataforma VST.

Essa plataforma é suportada por vários aplicativos de áudio, conhecidos como DAW.

A tecnologia é licenciada diretamente pela desenvolvedora Steinberg.

UM POUCO DA HISTÓRIA…

A empresa Steinberg lançou o primeiro modelo VST1996. Eles lançaram juntamente com a DAW: Steinberg Cubase, a qual incluiu os primeiros plugins formato VST (Chorus, Reverb, Stereo Echo e Auto-Panner).

Após 3 anos, em 1999 a interface sofreu alterações e melhorias, obtidas com testes e pesquisas.

A novidade da vez era a capacidade dos plugins possibilitarem a troca de dados MIDI.

Devido a essa novidade, foi necessário criar uma outra sigla indicadora: Virtual Studio Technology Instrument (VSTi).

Os plugins de instrumentos (VSTi) podem ser utilizados como:

  • Sintetizadores
  • Samplers
  • Software
  • Drum machines

O primeiro instrumento VST era chamado de Neon e acompanhava a versão do Cubase (software).

Após diversas mudanças e muitas melhorias, em 2008 foi lançada a versão 3.0 da interface VST. Alguns recursos foram incluídos, como por exemplo:

  • Entradas de Áudio para plugins de instrumentos
  • MIDI: Entradas e saídas
  • Processamento de áudio com precisão de 64 bits

As mudanças continuaram acontecendo e o software continuou sofrendo atualizações para a melhoria do sistema e da comunicação digital.

FUNCIONAMENTO DA TECNOLOGIA

O sistema funciona quando instalado em um hardware (computador). Ele é utilizado como plugins e é dividido da seguinte forma:

  1. Instrumentos
  2. Efeitos

Os plugins (aplicativos a parte) funcionam dentro de um programa de áudio digital (DAW). Sua função é fornecer algumas especificidades extras.

EFEITOS

A maioria dos plugins VST são ou instrumentos, indicados pela sigla VSTi, ou efeitos.

Esses plugins aparecem como um interface gráfica personalizada, exibindo controles físicos, padrão nos dispositivos de áudio.

Alguns desses plugins quando mais antigos, necessitam do aplicativo host para sua utilização.

Os plugins de efeito, recebem áudio digital e executam o processamento através de suas saídas.

INSTRUMENTOS

Os instrumentos em formato VST, incluem emulações de software simulando alguns instrumentos físicos bem conhecidos e os famosos samplers.

Geralmente imitam a aparência do equipamento original, além de suas características sonoras.

Isso permite a músicos, produtores e engenheiros de som, utilizarem equipamentos virtuais simulando outros dispositivos, tornando assim o processo muito mais em conta e prático.

Esse tipo de produção de áudio é acontece através de uma troca de informações digitais MIDI e a saída de áudio digital.

TIPOS DE PLUGINS E PRESETS

Como mencionado anteriormente, existem três tipos de plugins:

  • VST
  • VSTi
  • VST do tipo MIDI

#1 – VST

Sistema que produz efeitos de áudio e imita as funções de processadores físicos (hardware) como: Compressão, distorção, reverbs, delays, phaser e entre outros.

Temos também efeitos de monitoramento (retorno), que permitem feedback do sinal de entrada, sem o processamento de áudio.

#2 – VSTi (INSTRUMENTOS)

Eles podem ser de dois tipos:

  • Sintetizadores virtuais
  • Samplers

Eles são capazes de recriar sons de sintetizadores físicos famosos.

Os VSTi mais conhecidos são:

  • Massive
  • Absynth
  • Reaktor
  • Gladiator
  • Nexus
  • Omnisphere

#3 – VST (MIDI)

A comunicação do sistema é feita através do envio de informações via MIDI, encaminhando os dados para instrumentos VST ou para outros dispositivos de hardware.

PRESETS

Os Plugins no estilo VST, necessitam de muitos controles e configurações, e com isso precisam de alguns comandos adicionais, chamados de presets.

Esses presets funcionam basicamente como uma configuração ou uma informação pré-adicionada, conforme o gosto e as necessidades do criador do projeto.

Todo software capaz de armazenar VST, possui um banco de presets e permite também a instalação de novos outros modelos.

Tudo isso com a intenção de melhorar e profissionalizar os recursos de áudio e produção musical.

RESUMO

VST são instrumentos virtuais que simulam os instrumentos reais.

Em muitos casos, a perfeição dos plugins chega a ser melhor do que os próprios instrumentos físicos, tudo por causa da magia da tecnologia.

O sistema foi desenvolvido pela Empresa Steinberg e significa Tecnologia de Estúdio Virtual.

Os instrumentos nesse tipo de formato são muito estáveis, dificilmente travam e é muito fácil de configurar.

Esse tipo de tecnologia tem salvado a vida de muitos produtores, sendo usada inclusive em músicas famosas no mundo todo.

Uma comunicação simples feita através de um dispositivo eletrônico com um sistema de produção de áudio e pronto. A mágica acontece!

Mas detalhe, tudo depende da criatividade dos músicos e produtores, não bastando apenas saber usar e mexer nos recurso dos plugins.

A música ainda precisa ser estudada e pensada como sempre. Fica a dica! 😉

FINALIZANDO

Agora você já sabe como funciona a tecnologia VST no mundo da música!

Para acompanhar mais assuntos como esse, não esqueça de acessar nossa página de artigos.

Caso você queria conhecer mais sobre o teclado e o que você pode ser capaz de fazer com ele, conheça o Método M30, um curso feito para iniciantes no mundo do piano.

Forte abraço e até mais!
Augusto Canarin

Gostou desse conteúdo?

Participe da nossa lista VIP e receba conteúdos exclusivos via email. É grátis:

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo

CONHEÇA NOSSOS CURSOS EM VÍDEO ONLINE:

Aguarde a Próxima Aula Extraordinária

Aguarde a Próxima Aula Extraordinária

Prepare-se para o lançamento de mais uma aula extraordinária do Aprenda Piano. Previsão de lançamento: final de Setembro!

Aguarde a Próxima Aula Extraordinária

Aguarde a Próxima Aula Extraordinária

Prepare-se para o lançamento de mais uma aula extraordinária do Aprenda Piano. Previsão de lançamento: final de Setembro!

Aguarde a Próxima Aula Extraordinária

Aguarde a Próxima Aula Extraordinária

Prepare-se para o lançamento de mais uma aula extraordinária do Aprenda Piano. Previsão de lançamento: final de Setembro!

Aguarde a Próxima Aula Extraordinária

Aguarde a Próxima Aula Extraordinária

Prepare-se para o lançamento de mais uma aula extraordinária do Aprenda Piano. Previsão de lançamento: final de Setembro!

Método M30 – Realize o sonho de tocar sua 1ª música

Método M30 – Realize o sonho de tocar sua 1ª música

Aprenda a tocar sua 1ª música no piano ou teclado. O método M30 é a sua maior chance de aprender piano do zero


Aprenda Piano © Todos os direitos reservados.